Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
104 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57362 )
Cartas ( 21181)
Contos (12601)
Cordel (10135)
Crônicas (22251)
Discursos (3139)
Ensaios - (9064)
Erótico (13414)
Frases (44118)
Humor (18580)
Infantil (3845)
Infanto Juvenil (2799)
Letras de Música (5476)
Peça de Teatro (1320)
Poesias (138535)
Redação (2942)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2408)
Textos Jurídicos (1926)
Textos Religiosos/Sermões (4942)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->UM NOVO SACI -- 19/01/2008 - 17:38 (GERMANO CORREIA DA SILVA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
UM NOVO SACI
(Por Germano Correia da Silva)

Eu sou um menino traquinas
Que está sempre a saltitar
Dou gargalhadas nas matas
Querendo a todos assustar

A minha carapuça vermelha
Tem poderes mágicos, enfim
E no dia que "me dá na telha"
Eu me viro na ave “Sem-fim”

Ela tem um canto melancólico
Que ecoa pra todos os lados
E tem um jeito estrambótico
P`ra lá de desengonçado

Mas tem duas coisas que eu
Gostaria muito poder fazer:
Era jogar meu cachimbo fora
E a outra era parar de correr

Fumar não faz bem à saúde
Se eu correr, eu poderei cair
E que Deus do Céu me ajude
Dando outra perna pro Saci

Com as duas pernas, agora
Eu prometo que vou caminhar
Por esse meu mundo afora
E sem ter do que reclamar

Eu não vou soltar baforadas
Deste cachimbo malcheiroso
Vou poder fazer cavalgadas
E ser um menino amoroso

Não vou mais desaparecer
E nem assustar os humanos
O bem eu sempre irei fazer
E ser aprovado todos os anos

Eu serei um saci diferente
Nem o Trique, nem o Pererê
Quem sabe, um Saçurá decente
Pra eu poder ajudar a você...
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 15Exibido 1426 vezesFale com o autor