Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
112 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59051 )

Cartas ( 21235)

Contos (13079)

Cordel (10287)

Crônicas (22189)

Discursos (3163)

Ensaios - (9406)

Erótico (13483)

Frases (46405)

Humor (19251)

Infantil (4424)

Infanto Juvenil (3679)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1336)

Poesias (138156)

Redação (3049)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5502)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->ESTRANHO TURBILHÃO -- 02/03/2007 - 21:34 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131197872202684700




ESTRANHO TURBILHÃO

Silva Filho







Não há como conter o turbilhão

Que lança essa lava incandescente

O sol perdeu seu brilho no poente

A lua se escondeu na escuridão.



Os mares dispensaram preamar

Cascatas se prostraram em respeito

Os rios não dormiram no seu leito

Tufões nem mais quiseram viajar.



Estranho turbilhão que se comenta

Tem algo de magia incrustado

O povo só aumenta – não inventa.



Que pegue cada um seu amuleto

Sabendo que poder insuperável

Só mesmo Turbilhão de um Soneto.



/aasf/





Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 355 vezesFale com o autor