Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
141 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57762 )
Cartas ( 21192)
Contos (12699)
Cordel (10207)
Crônicas (22326)
Discursos (3143)
Ensaios - (9126)
Erótico (13426)
Frases (44560)
Humor (18707)
Infantil (3973)
Infanto Juvenil (2911)
Letras de Música (5481)
Peça de Teatro (1321)
Poesias (138413)
Redação (2955)
Roteiro de Filme ou Novela (1056)
Teses / Monologos (2413)
Textos Jurídicos (1930)
Textos Religiosos/Sermões (5040)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->FEIRA DE CORDEL LEANDRO GOMES DE BARROS -- 21/09/2015 - 03:50 (José de Sousa Dantas) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
LEANDRO GOMES DE BARROS
foi um grande menestrel,
na arte que exerceu
cumpriu o nobre papel,
ganhou fama na cultura
de PAI DA LITERATURA
DO FOLHETO DE CORDEL.

Graças a LEANDRO GOMES,
o CORDEL se consagrou,
é justo que se celebre,
com poesia, festa e show,
os 150 anos
de um dos paraibanos,
que a sua arte honrou.

Uma oportunidade
para toda geração
conhecer LEANDRO GOMES
e a sua produção,
sua vida e a trajetória,
que ficaram na história,
pela sua dimensão.

Poetas e cordelistas,
e as pessoas em geral,
com a FEIRA DE CORDEL
na cidade de POMBAL,
vão ficar mais informados
e muito mais situados
na cultura nacional.

Entre no clima da festa,
participe do evento,
na cidade de POMBAL,
aproveite esse momento
dessa FEIRA DO CORDEL
de um grande menestrel,
um poeta de talento.

Uma importante FEIRA
DE CORDEL Leandro Gomes,
um dos mais ilustres nomes
da cultura brasileira,
que viveu a vida inteira
de CORDEL, a principal
ocupação cultural
desenvolvida em papel.
Viva a FEIRA DE CORDEL
na cidade de POMBAL.

26 a 29
de setembro, em POMBAL,
tem a FEIRA DE CORDEL,
grande evento cultural,
com versos, declamações,
palestras, exposições,
oficinas e repentes,
com poetas, cantadores,
para os apreciadores,
das mais diversas vertentes.

São 150 anos
que esse grande poeta
estaria completando;
POMBAL, em festa repleta
de poesia, arte e brilho,
faz homenagem a seu filho
que um legado deixou
na cultura brasileira,
com as obras de primeira
em que se imortalizou.

Vou também participar
durante todo o momento
desse importantíssimo evento
da cultura popular,
muitos versos, declamar
com poetas, cordelistas,
escritores, repentistas,
artistas de grandes nomes,
ouvir DAUDETH BANDEIRA
fazer repentes na FEIRA
DE CORDEL LEANDRO GOMES.

Daudeth Bandeira escreveu sobre Leandro Gomes

LEANDRO GOMES DE BARROS,
um gênio da poesia,
nasceu em POMBAL, um dia,
pra cumprir sua missão,
já trouxe do berço o dom
de poeta menestrel,
o escritor de CORDEL
maior de cima do chão !!

No fim do século dezoito
LEANDRO GOMES nasceu,
cresceu, lutou e morreu
com cinquenta e três de idade;
em cima da velha terra
viveu de verso e de rima,
passou pra o andar de cima
e virou eternidade.

Versos de LEANDRO GOMES

Eu edifiquei um MARCO
para ninguém derribar,
e se houver um teimoso
que venha experimentar,
verá que nunca fiz coisa
para homem desmanchar.

Sempre adotei a doutrina
ditada pelo rifão,
de ver-se a cara do homem
mas não ver-se o coração,
ENTRE A PALAVRA E A OBRA
há enorme distinção.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 68Exibido 279 vezesFale com o autor