Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
135 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57014 )
Cartas ( 21168)
Contos (12608)
Cordel (10073)
Crônicas (22188)
Discursos (3134)
Ensaios - (8996)
Erótico (13393)
Frases (43608)
Humor (18448)
Infantil (3772)
Infanto Juvenil (2676)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1316)
Poesias (138217)
Redação (2924)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2400)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4847)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->Ausência Tua -- 11/01/2007 - 16:10 (MARIA CRISTINA DOBAL CAMPIGLIA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos






Ausência Tua (para ele)



A ausência é a magia

da presença constante

e iminente

como o ar.



Sentidos como um leque,

palavras e nomes

e coisas e cheiros,

associando ligações...



Me resgatas num instante

quando lembro dos teus olhos

e são mágicos e enormes

os espaços em que faltas.



Me alucinas, me enfeitiças,

e decido pelo abismo,

como asa incandescente,

como corpo relutante.



Dessa forma estás presente

mesmo assim estando ausente,

estás meu, estás alheio,

por ser teu meu grande espaço.



Estou tua, estou sem ti.

Estou muda e beijo lúgubre

a tua ausência e teu “sem mim”.





Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 379 vezesFale com o autor