Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
47 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59012 )

Cartas ( 21232)

Contos (13078)

Cordel (10287)

Crônicas (22188)

Discursos (3163)

Ensaios - (9397)

Erótico (13483)

Frases (46347)

Humor (19241)

Infantil (4418)

Infanto Juvenil (3659)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1335)

Poesias (138114)

Redação (3046)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2425)

Textos Jurídicos (1941)

Textos Religiosos/Sermões (5486)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->TODA BELEZA DA VIDA -- 30/07/2011 - 15:59 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.

TODA BELEZA DA VIDA
Silva Filho


Não me canso de aplaudir
O que faz o repentista
Sem jamais perder de vista
O tema que quer seguir.
O verso vem a fluir
Em verdadeira torrente
E mesmo sendo plangente
Leva tudo de vencida
TODA BELEZA DA VIDA
CABE DENTRO DO REPENTE.

É a arte sobranceira
No verso de improviso
Para não faltar sorriso
Nesta nação brasileira.
Pro verso não há fronteira
Tal como água corrente
Molhando qualquer semente
Nas margens dessa corrida
TODA BELEZA DA VIDA
CABE DENTRO DO REPENTE.

O Repente canta prosa
Canta amor e saudade
Canta com simplicidade
O valor que tem a rosa.
Canta a mulher dengosa
Com seu jeito atraente
E um romance jacente
Duma paixão reprimida
TODA BELEZA DA VIDA
CABE DENTRO DO REPENTE.

Mas o Repente também
Com rimas faz um duelo
Pra mostrar seu lado belo
Em respeitoso desdém.
São versos pra mais de cem
Nessa contenda decente
Que deixa o povo contente
Na mais fremente torcida
TODA BELEZA DA VIDA
CABE DENTRO DO REPENTE.

/aasf/
30/07/2011

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 230 vezesFale com o autor