Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
222 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58168 )
Cartas ( 21211)
Contos (12861)
Cordel (10239)
Crônicas (22097)
Discursos (3147)
Ensaios - (9230)
Erótico (13453)
Frases (45314)
Humor (18942)
Infantil (4167)
Infanto Juvenil (3240)
Letras de Música (5506)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138726)
Redação (2997)
Roteiro de Filme ou Novela (1058)
Teses / Monologos (2418)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5256)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->BBB - Um cordel de Gustavo Dourado -- 09/02/2010 - 11:31 (Félix Maier) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Cordel do Big Brother: As be$tas do BBB

Gustavo Dourado

Brasília, 2 de fevereiro de 2007

Nádegas na passarela:
É o besteirol global...
Desprovidos de cultura:
Em processo canibal...
Buscam fama e dinheiro:
Comandados por Mial...

A mentira rola solta:
Tola competitividade...
Mostram a hipocrisia:
Pra toda sociedade...
Por um punhado de dólares:
Praticam a insanidade...

Palavras de baixo calão:
O suicídio cultural...
Só querem aparecer:
Na tv e no jornal...
Eta gente interesseira:
A bobeira é geral...

Pregam a futilidade:
Mau exemplo social...
Pior que telenovela:
Publicidade letal...
Consumismo da imagem:
Corrupção hominal...

É um joguete da mídia:
De lucro comercial...
Os bobos no telefone:
Escravidão digital...
A mando do Grande Irmão:
Que acumula o vil metal...

Loteria de milhões:
Os bundões em evidência...
Decadente baixaria:
Em busca de audiência...
Programinha indecente:
Que está na repetência...

Fazem a philantropia:
Cassino da vadiagem...
Vendem a alma e a mãe:
No golpe da rapinagem...
BBB é excrescência:
Será mera pilantragem?!

A tv é mal usada:
Voz da criminalidade...
Só se mostra violência:
Baixeza..Inutilidade...
Haja Sensacionalismo:
E falta de honestidade...

A notícia é corrompida:
A soldo da propaganda...
Os fatos são maquiados:
É o marketing que manda...
Debilidade excre.mental:
E a bobagem que desmanda...

Desgovernos compactuam:
Investem na malandragem...
Merchandising na tela:
Subliminar imagem...
Pelotões de idiotas:
Desfilam na sacanagem...

Degeneração do ser:
Efêmera decrepitude...
O culto da vaidade...
Destoa com a virtude...
Modismo...Politicagem:
Aética proselitude...

O problema é patológico:
Foge à normalidade...
Batalhões de andróides:
Ante a imbecilidade...
A doença tomou conta:
Desde o campo à cidade...

Fábrica de desilusões:
Ilude o telespectador...
Tapeiam o pensamento:
Financiam o desamor...
Buscam lucro e poder:
Na fantasia furtacor...


Trapaça...Competição:
Atuação desleal...
Culto ao objeto
Ao fetiche virtual...
É o caldo de cultura:
Dessa era virtual...

Vitrine da estupidez:
Reflete a ignorância...
Vive-se a fugacidade:
Desvirtuam a infância...
Ética na televisão:
Sem terror, medo e ânsia...

BBB é alienante:
Desserviço à cultura...
Livros são proibidos:
Na tela da desventura...
Para que tanta besteira?!
Promovamos a leitura...

A poesia é proibida:
Não aparece na tela...
Só bebida e futebol:
Comercial e novela...
Desligue-se do BBB:
Olhe o céu...A vida bela!...

Gustavo Dourado
www.gustavodourado.com.br


Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui