Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
52 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59106 )

Cartas ( 21236)

Contos (13107)

Cordel (10292)

Crônicas (22195)

Discursos (3164)

Ensaios - (9434)

Erótico (13481)

Frases (46493)

Humor (19273)

Infantil (4456)

Infanto Juvenil (3718)

Letras de Música (5478)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138218)

Redação (3051)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5518)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias-->SOB O CEU DE BRASÍLIA -- 31/10/2005 - 12:33 (Domingos Oliveira Medeiros) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
.

Sob o Céu de Brasília

(Por Domingos Oliveira Medeiros)



No começo,

o teu olhar, em linha reta,

surgiu em frente.

Defronte ao meu horizonte particular.



Por um instante,

a escuridão se fez presente,

me fez chorar.



Não compreendi o obscuro daquele entreolhar.

Um ponto cardeal, que me pegou desprevenido.;

Surpreendido pelo inusitado.



Inconscientemente, entre o esperado e o desejado.

Sob o céu da capital.



O amor na dose certa

Veio do espaço sideral.

Colorido e triunfal.

Repentino, fatal.



Chegou carregado de nuvens brancas.

No céu colorido, manchado de anil e rosa dourado.

Sereno como a paz celestial.

























































































































Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui