Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
64 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59012 )

Cartas ( 21232)

Contos (13078)

Cordel (10287)

Crônicas (22188)

Discursos (3163)

Ensaios - (9397)

Erótico (13483)

Frases (46347)

Humor (19241)

Infantil (4418)

Infanto Juvenil (3659)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1335)

Poesias (138114)

Redação (3046)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2425)

Textos Jurídicos (1941)

Textos Religiosos/Sermões (5486)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->BEIJOS NA RIMA -- 16/03/2009 - 07:55 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131151910718588100

BEIJOS NA RIMA
Silva Filho





Vou pegando minha verve
Pro verso descontraído
Sendo verve beijoqueira
Com seu beijo extrovertido;
Logo na segunda-feira
Vem essa rima brejeira
Com as armas do cupido.

Fico mesmo até sem jeito
Sem pejo, sem discrição
Mas confesso, não enjeito
Essa rima-combustão
Que desliza pelo peito
Exercendo o seu direito
Sem qualquer conspiração.

Ninguém peca por beijar
Seja lá por onde for
Por onde a boca passar
Deixa a língua um rubor;
Para bem lubrificar
Tem um beijo singular
Que faz tremer o pudor.

Tem o beijo passaporte
Pra passar pela fronteira
Contando com muita sorte
Começa na brincadeira;
Tem o beijo tipo esporte
Um outro - beijo da morte
E o melhor: de beira a beira.

Tem o beijo na cozinha
Tem o beijo no banheiro
Um beijo fora da linha
Sendo este bem certeiro;
Também aquela vizinha
Sempre a hora adivinha
Beijando bem no ponteiro.

A mulher beija no peito
Quando chega no riacho
O homem, não satisfeito
Segue no rumo de baixo;
Beijo fora do conceito
Que deixa o macho refeito
No meio desse fogacho.

Esse é o beijo de cordel
Muito mais que aloprado
Mas é um beijo donzel
Por ser apenas rimado;
Beijo num simples papel
Pra deixar o Menestrel
Cada vez mais assanhado.

/aasf/
11/02/2004.


 

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 625 vezesFale com o autor