Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
222 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 58158 )
Cartas ( 21211)
Contos (12857)
Cordel (10239)
Crônicas (22094)
Discursos (3147)
Ensaios - (9229)
Erótico (13452)
Frases (45305)
Humor (18939)
Infantil (4161)
Infanto Juvenil (3235)
Letras de Música (5506)
Peça de Teatro (1328)
Poesias (138720)
Redação (2997)
Roteiro de Filme ou Novela (1058)
Teses / Monologos (2418)
Textos Jurídicos (1934)
Textos Religiosos/Sermões (5253)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->O ESCALAFOBÉTICO -- 09/12/2006 - 19:23 (GERMANO CORREIA DA SILVA) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
O ESCALAFOBÉTICO
(Por Germano Correia da Silva)


Com perfil extravagante,
Entra aqui e sai acolá,
Chamam-no de deselegante
Pela forma de se trajar

Age de maneira excêntrica
Nos seus modos e/ou trejeitos
Tem vida meio egocêntrica
No tocante aos seus defeitos.

Consideram-no maljeitoso
Pelo seu modo de andar
Ele é pouco primoroso
Até quando vai falar

Ele é mui desengonçado
Falta-lhe elegância e aprumo
É quase um mal-amanhado
Sem endereço e sem rumo

Vá ser feio assim no inferno
Ou num lugar longe daqui
Mesmo vestido de terno
Não ganha nem de um saci

Seu andar desconjuntado
Imita um cavalo manco
E para ser pouco notado
Nunca se veste de branco

Eu nunca vi ninguém assim
Da forma como foi descrito
Mas eu o nomeio, por fim,
De sujeito muito esquisito.
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 17Exibido 1428 vezesFale com o autor