Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
88 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59013 )

Cartas ( 21233)

Contos (13072)

Cordel (10287)

Crônicas (22188)

Discursos (3163)

Ensaios - (9398)

Erótico (13482)

Frases (46351)

Humor (19239)

Infantil (4419)

Infanto Juvenil (3662)

Letras de Música (5476)

Peça de Teatro (1335)

Poesias (138121)

Redação (3046)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2425)

Textos Jurídicos (1943)

Textos Religiosos/Sermões (5487)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Cordel-->ENDURO DA VIDA -- 27/11/2008 - 09:49 (Andarilho) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Número do Registro de Direito Autoral:131197869609518600

ENDURO DA VIDA
Silva Filho



Vejo o tempo a passar
Passando na ampulheta
Meus projetos na gaveta
Pediram pra embarcar.
Sem conseguir enxergar
Minha sina no escuro
Fiz um percurso seguro
Com o nome de traslado
JÁ CANSADO DO PASSADO
FUI MORAR COM O FUTURO.

Conversei com o presente
Sobre minha transição
Mas não foi nesta sessão
Que se fez mui convincente.
Neste caso fui em frente
Com os riscos dum enduro
Saltei serra, saltei muro
Pra não ser prejudicado
JÁ CANSADO DO PASSADO
FUI MORAR COM O FUTURO.

Um enduro quer mi’a prima
Mesmo sendo muito mole
Inda quer largar na ‘pole’
Se não dá... ela lastima.
Sempre quer estar por cima
E de besta eu aturo
Ela vai pagar com juro
Se o negócio for selado
JÁ CANSADO DO PASSADO
FUI MORAR COM O FUTURO.

/aasf/
MOTE E GLOSA: Silva Filho

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 1Exibido 579 vezesFale com o autor