Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
79 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 57116 )
Cartas ( 21170)
Contos (12600)
Cordel (10093)
Crônicas (22214)
Discursos (3137)
Ensaios - (9018)
Erótico (13404)
Frases (43783)
Humor (18496)
Infantil (3794)
Infanto Juvenil (2721)
Letras de Música (5470)
Peça de Teatro (1317)
Poesias (138319)
Redação (2927)
Roteiro de Filme ou Novela (1055)
Teses / Monologos (2402)
Textos Jurídicos (1925)
Textos Religiosos/Sermões (4898)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Humor-->RICARDÃO: A SOLUÇÃO! -- 04/12/2000 - 11:39 (Paccelli José Maracci Zahler) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
RICARDÃO, A SOLUÇÃO!

Paccelli M. Zahler

Com os tucanos no poder, era de se esperar que os tempos ficassem bicudos. Muito desemprego, muita falta de comida, falda de salário digno para sustentar a patroa e os bacuris.
A história nos mostra que em tempos difíceis a criatividade e a solidariedade proliferam. Assim, muitos pais de família já estão deixando de lado o orgulho e o preconceito e aceitando uma segunda fonte de renda - a do Ricardão! Isso mesmo! Se o salário não dá, o jeito é arranjar um trabalho noturno e pedir à patroa que consiga um Ricardão bem de vida para complementar o orçamento, seguindo a velha máxima da Dona Cotinha: "Faça de tudo, minha filha, só não dê beijo na boca!"
Alguns até têm sorte como , por exemplo, o Zé Domingos lá de Castanhal, cuja patroa arranjou um Ricardão boiola que precisava fingir ter uma amante para o pessoal não desconfiar e ele não ser despedido do emprego.
Em menos de um mês, o Zé Domingos trocou a velha bicicleta por um carro zero quilômetro e, de vez em quando, ainda faz a festa no roscofe do Ricardão fajuto.
Menos sorte teve o Pedrinho de Santarém, cujo Ricardão tinha 2 metros de altura, 109 kg, era latifundiário e ciumento. Pedrinho ganhou um apartamento e uma pensão de dez mil reais por mês, mas perdeu a patroa. Ossos do ofício!
Apesar de ser uma faca de dois gumes, em tempos bicudos, vale a pena tentar.
Ponha um anúncio no jornal com os seguintes dizeres:

"Procura-se Ricardão para complementar o orçamento familiar. O interessado deve preencher os seguintes requisitos:
- gozar de boa saúde, ser solteiro, carinhoso e sem dependentes;
- não pode ser ciumento e possessivo;
- ter condução própria e salário acima de R$ 3.000,00;
- ter disponibilidade para lidar com crianças;
- ser sério e responsável.
Em troca, oferece-se casa, comida e roupa lavada."

Boa sorte!

(Publicado no Jornal PQP, Belém, PA)
Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Seguidores: 21Exibido 706 vezesFale com o autor