Usina de Letras
                                                                         
Usina de Letras
166 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 

Artigos ( 59138 )

Cartas ( 21236)

Contos (13105)

Cordel (10292)

Crônicas (22196)

Discursos (3164)

Ensaios - (9439)

Erótico (13481)

Frases (46521)

Humor (19282)

Infantil (4461)

Infanto Juvenil (3729)

Letras de Música (5479)

Peça de Teatro (1337)

Poesias (138241)

Redação (3054)

Roteiro de Filme ou Novela (1060)

Teses / Monologos (2427)

Textos Jurídicos (1945)

Textos Religiosos/Sermões (5526)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Humor-->UMA DÚVIDA INDIGESTA -- 25/05/2003 - 13:18 (Benedito Generoso da Costa) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
. UMA DÚVIDA INDIGESTA

Um bebum lá na esquina
resolveu fazer faxina
numa noite de verão.

Segurando a barriga,
vomitou até lombriga,
toda cachaça e o pão.

Quase pedindo socorro,
nem viu chegar um cachorro
que aproveitou da ocasião.

(Pois sempre há um cão de rua
namoriscando a lua
que brilha na escuridão).

Enquanto o cão vira-lata
saboreava toda a nata,
intrigou-se o beberrão.

Em suas pernas tropeçou
e assustado exclamou,
olhando para o chão:

-Que estranho isso aqui!
Como foi que eu engoli
e vomitei este cão?

BENEDITO GENEROSO DA COSTA

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do AutorSeguidores: 101Exibido 717 vezesFale com o autor