Usina de Letras
Usina de Letras
25 usuários online

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 62474 )
Cartas ( 21336)
Contos (13274)
Cordel (10453)
Crônicas (22547)
Discursos (3241)
Ensaios - (10470)
Erótico (13578)
Frases (50858)
Humor (20083)
Infantil (5499)
Infanto Juvenil (4821)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1377)
Poesias (140901)
Redação (3323)
Roteiro de Filme ou Novela (1064)
Teses / Monologos (2437)
Textos Jurídicos (1962)
Textos Religiosos/Sermões (6248)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Aguarde carregando ...
Poesias-->ESSA BOCA -- 31/01/2000 - 21:32 (antonio temoteo dos anjos sobrinho) Siga o Autor Destaque este autor Envie Outros Textos
ESSA BOCA





“Quero vivê-lo em cada vão momento”


Vinícius de Morais.








Essa boca carnosa configura


um tributo ao deboche e à irreverência,


na verdade, um arremedo que conjura


mistério, desejo e concupiscência.





Nem me fale dos dentes, na moldura


dos lábios que saltitam com indecência,


ou da língua ronceira que a tortura


em molhada e tesuda inconsequência.





Eu quero mais senti-la, petulante,


afrontando os meus lábios com desplante,


degustando-me o ventre e entre as virilhas,





acaçapando o amor entre as mucosas,


entre as papilas rubras, vigorosas,


com que me afaga e opera maravilhas.


Comentarios
O que você achou deste texto?     Nome:     Mail:    
Comente: 
Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui