Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
22 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54839 )
Cartas ( 21056)
Contos (12106)
Cordel (9510)
Crônicas (21077)
Discursos (3106)
Ensaios - (9897)
Erótico (13126)
Frases (39799)
Humor (17545)
Infantil (3558)
Infanto Juvenil (2308)
Letras de Música (5411)
Peça de Teatro (1309)
Poesias (135519)
Redação (2869)
Roteiro de Filme ou Novela (1034)
Teses / Monologos (2371)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4172)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Poesias -->Perfeição -- 05/11/2003 - 01:31 (Clarissa Borba Batista Macedo de Azevedo) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Pelos montes e mares,
lindas montanhas, água que canta
seguindo passarinhos,
lá vai a linda criança.

Serenos olhos humildes,
oceanos ou desertos,
olham de longe para perto,
alcançando o infinito.

No cair da tarde,
criança vê o pôr-do-sol,
sente se pôr também,
sua alma no coração...

Correndo sentada!...
Sentando correndo!....
Boca é espelho
do pensamento!

Vê a flor e...
sente-se flor também.;
Sente as cores,
sente-se terra.

Ofusca as estrelas,
criança!
Elas são rápidos sorrisos dos anjos...
Criança pára só pelo prazer de vê-las...

Nos sonhos as fadas são
lindas,
criança!
Os sonhos são sua vida,

Vida!...
Transpira nos seus poros
resplandece no semblante,
criança...

Criança!
Você não existe...
Não! Existe!
Mas só de faz-de-conta,
pois cresce e criança desencanta,
Muda, espanta!
Que pena...
Quem dera criança fosse pra sempre...
Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui