Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
91 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 54945 )
Cartas ( 21059)
Contos (12121)
Cordel (9542)
Crônicas (21131)
Discursos (3109)
Ensaios - (9910)
Erótico (13133)
Frases (39897)
Humor (17551)
Infantil (3560)
Infanto Juvenil (2308)
Letras de Música (5414)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135650)
Redação (2874)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2374)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4195)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->O que você faz com a sua "Consciência Ecológica"? -- 15/11/2007 - 04:07 (Ivo S. G. Reis) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Tenho participado de vários grupos de discussão e fóruns que priorizam a questão ambiental e buscam apoio e soluções para este preocupante problema, não só no Brasil, mas no mundo.

Além disso, também possuo dois blogs e um fórum público que debatem o assunto e se relacionam com outras comunidades co-irmãs em seus propósitos.

Felizmente, pude observar que a maioria dos brasileiros têm, sim, “consciência ecológica”. Querem protestar, alertar e ajudar de alguma forma, mas não sabem como e nem sabem se organizar e fazer mobilizações que realmente funcionem.

Quando ainda adolescente, li em algum livro, uma citação que nunca mais me saiu da cabeça. Referia-se ao que um homem deve fazer com os seus conhecimentos e suas idéias. Adaptei-a ao meu modo de pensar e cheguei a esta conclusão:

“O valor de um homem não se mede pelo que ele tem ou sabe, mas sim, pelo que ele faz com o que tem e com o que sabe.”

Creio piamente que isso seja realmente verdadeiro. Nesse caso, se encontram muitas pessoas com os seus sentimentos ecológicos: têm idéias, às vezes até soluções, mas ficam apenas se indignando, impotentes, sem nada fazer. Com isso, apesar de poderem colaborar, passam a ser tão-somente meros espectadores da destruição do planeta.

Somente os governos e os grandes organismos internacionais podem dar solução a esse problema porque a devastação da natureza, em qualquer lugar, e principalmente na Amazônia, decorre da impunidade, da falta de fiscalização e da liberdade para o lucro fácil.

A população, os governantes, o mundo, precisa saber as conseqüências que a devastação do meio ambiente causa sobre nós, agora, e nas gerações futuras. A mobilização popular tem força para pressionar os políticos a fazerem e POREM EM PRÁTICA leis de proteção ambiental que realmente funcionem.

Aqui no Brasil, você poderia começar dando um bom exemplo, procurando o “Amazônia para Sempre“, o “WWF-Brasil“, o “Greenpeace” e algumas outras ONGs e instituições sérias, dedicadas ao assunto.

Que tal tentar?


Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui