Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
57 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56823 )
Cartas ( 21161)
Contos (12583)
Cordel (10010)
Crônicas (22151)
Discursos (3132)
Ensaios - (8952)
Erótico (13387)
Frases (43337)
Humor (18382)
Infantil (3751)
Infanto Juvenil (2630)
Letras de Música (5464)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138021)
Redação (2918)
Roteiro de Filme ou Novela (1053)
Teses / Monologos (2394)
Textos Jurídicos (1923)
Textos Religiosos/Sermões (4764)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->CADÊ ALÁ? -- 03/11/2006 - 21:18 (ANTICRISTO) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos



Reverenciam Alá, mas ele não está lá. Que o mundo tenha pena deles.



"O terceiro dia de uma ofensiva israelense na Faixa de Gaza deixou 16 palestinos mortos e oito eram civis. Mulheres protegidas apenas pelo véu muçulmano e os soldados israelenses dentro de tanques. As mulheres de Gaza respondiam a um apelo do Hamas. Pelo rádio, o grupo convocou mães, irmãs, mulheres e filhas de militantes para formar um escudo humano em volta da mesquita de Beit Hanun. Há três dias, o santuário havia sido transformado em esconderijo de militantes palestinos. Mas os soldados de Israel não recuaram quando as mulheres avançaram contra as tropas. Delas, duas foram alvejadas e morreram na hora. Houve correria, desespero, protesto."Cadê o mundo que não nos ajuda?", pergunta uma mulher." (Jornal Nacional, 03/11/2006)



"Cadê Alá?", deveriam elas perguntar. Os muçulmanos matam e morrem por Alá, o que deus em que acreditam. O mundo não muçulmano são os ímpios, indignos das bênçãos de Alá. Será que elas já estão percebendo que Alá é algo imaginário e não pode ajudá-los? No dia em que aprenderem a reconhecer os direitos humanos, talvez o mundo possa fazer algo por eles.



Ver MAIS

 

Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui