Usina de Letras
Usina de Letras
                    
Usina de Letras
103 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 56953 )
Cartas ( 21165)
Contos (12585)
Cordel (10049)
Crônicas (22174)
Discursos (3133)
Ensaios - (8976)
Erótico (13390)
Frases (43476)
Humor (18423)
Infantil (3758)
Infanto Juvenil (2652)
Letras de Música (5465)
Peça de Teatro (1315)
Poesias (138142)
Redação (2919)
Roteiro de Filme ou Novela (1054)
Teses / Monologos (2400)
Textos Jurídicos (1924)
Textos Religiosos/Sermões (4819)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Artigos-->O ALCANCE ESPIRITUAL DO PROCÔNUSUL -- 14/11/2003 - 22:55 (ANTICRISTO) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos

O procônsul era um animalzinho que vivia nas árvores de uma densa floresta africana há seis ou sete milhões de anos. Seu ambiente era até bastante seguro contra os grandes predadores, sendo ele apenas assustado por um animal imaginário. Mas um dia as coisas mudaram, e ele precisou se adaptar para sobreviver.



O procônsul era pequeno e incapaz de enfrentar os predadores; mas vivia nas árvores onde os carnívoros não subiam. Todavia, se via ameaçado por um animal extremamente assustador e invisível. Um trovão representava para ele o rugir desse terrível ser, contra o qual parecia não estar seguro nem nos galhos das grandes árvores. Os ventos representavam o seu sopro poderoso. Provavelmente, em sonho o procônsul via esse enorme animal a rugir fortemente (som do trovão) com sua boca descomunal a soprar sobre as florestas. Essa era a maior das ameaças que ele via pela frente.



Em determinada época, o movimento tectônico criou uma grande elevação no centro do continente e a família procônsul ficou dividida nos dois lados da montanha.



Enquanto no lado ocidental a grande floresta foi preservada, no lado oriental, devido à falta de umidade decorrente do obstáculo montanhoso, as florestas foram desaparecendo, e o procônsul desse lado perdeu aquele ambiente protetor, o que lhe exigiu algumas boas adaptações para sobreviver entre os fortes predadores.



Pressionado pelas circunstâncias novas, o procônsul oriental começou a utilizar os membros dianteiros para manejar alguns objetos, como paus e pedras, contra seus predadores, o que o levou a aprender a caminhar sobre os dois pés.



Mas o mostro que ruge e sopra continuou a assombrar esse primata, e o sol e outros astros também lhe pareciam seres sobrenaturais temíveis.



Afirma-se que, do procônsul do lado ocidental, da grande floresta, evoluiu o gorila e o chimpanzé, nossos parentes mais próximos do reino animal, uma vez que o ambiente favorável não lhe exigiu muito; e o animal do lado oriental tornou-se a espécie homo, por força das novas e mais desafiadoras condições de vida. Mas o grande animal invisível permanecia assustando-o e cada vez mais fixo na sua cabeça.



Continue em A FALA QUE EXPLICA TAMBÉM COMPLICA



A EVOLUÇÃO ESPIRITUAL





Comentários

O que você achou deste texto?        Nome:     Mail:    

Comente: 
Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui