Usina de Letras
Usina de Letras
   
                    
Usina de Letras
90 usuários online

 

Autor Titulo Nos textos

 


Artigos ( 55338 )
Cartas ( 21071)
Contos (12177)
Cordel (9607)
Crônicas (21336)
Discursos (3113)
Ensaios - (9921)
Erótico (13147)
Frases (40245)
Humor (17570)
Infantil (3576)
Infanto Juvenil (2311)
Letras de Música (5419)
Peça de Teatro (1311)
Poesias (135954)
Redação (2881)
Roteiro de Filme ou Novela (1035)
Teses / Monologos (2375)
Textos Jurídicos (1913)
Textos Religiosos/Sermões (4239)

 

LEGENDAS
( * )- Texto com Registro de Direito Autoral )
( ! )- Texto com Comentários

 

Nossa Proposta
Nota Legal
Fale Conosco

 



Teses_Monologos-->Injeção de Ânimo (XII) -- 05/09/2004 - 22:32 (Pedro Wilson Carrano Albuquerque) Siga o Autor Destaque este autor Destaque este Texto Envie Outros Textos
Injeção de Ânimo (XII)

Lendo a edição da revista “VEJA” de 1º de setembro de 2004, chamaram-me a atenção algumas notícias que revelam que muitas coisas estão melhorando para nós brasileiros. Algumas delas vão registradas a seguir:
1. o Governo Brasileiro fará em novembro o maior leilão de energia elétrica de que se tem notícia (55.000 megawats); as empresas donas de hidrelétricas vão oferecer energia suficiente para abastecer todo o País;
2. o Governo criou portos secos para diminuir o congestionamento de mercadorias nos portos e aeroportos usados para o comércio exterior;
3. esses portos, instalados em cidades do interior do País e geridas por concessionárias da Receita Federal, cobram 33% menos que os portos e 90% menos que os aeroportos;
4. o Governo começa a colher resultados da disciplina econômica adotada em 2003, como segue:
a) resulado de pesquisa do IBGE sobre a evolução da economia brasileira no primeiro semestre de 2004 revela aumento do PIB entre 4,5% e 5% no período;
b) com isso, o Brasil é recolocado na rota de crescimento;
c) a retomada começou a despertar em 2003 com os bons resultados do setor exportador;
d) agora, já se nota uma melhora nas perspectivas dos brasileiros;
e) em julho último, o número de pessoas ocupadas no País aumentou em 786.000 em comparação com o mesmo mês de 2003;
f) a renda do brasileiro também voltou a se recuperar, crescendo 2% em julho com relação ao mesmo mês do ano passado – o primeiro aumento desde março de 2003, quando se iniciou a série histórica da pesquisa;
g) as vendas no varejo aumentaram 12,8% em relação ao mesmo período do ano anterior;
h) espera-se que esses bons resultados neutralizem as pressões dentro do próprio Governo para que o Estado abra as torneiras da gastança de dinheiro público;
i) para isso, o Presidente Lula tem procurado conter a ansiedade dos mais afoitos por crescimento econômico usando a imagem do ciclo agrícola como metáfora;
j) assim, tem lembrado que há tempo para plantar e tempo para colher, traduzindo, em linguagem simples, a intenção do Governo de descartar o populismo econômico e trilhar o trabalhoso caminho da responsabilidade fiscal e do combate à inflação;
5. médicos discutem a eficácia de aparelho que promete detectar tumores malignos nas mamas em fase inicial;
6. Tales Alvarenga, em sua coluna, registra que:
a) o Brasil é um líder natural entre os vizinhos e tem a maior economia da região, depois do México;
b) o Brasil é, de longe, o país com a maior possibilidade de se tornar uma potência respeitável dentro de algumas décadas;
c) países dinâmicos como o Chile cabem quase na economia do Estado do Rio e a Argentina inteira é muito menor que o Estado de São Paulo;
d) o Brasil não precisa das cambalhotas geopolíticas ou ideológicas para se impor fora de suas fronteiras;
7. na Olimpíada de Atenas, o Brasil saiu-se bem no vôlei e na vela, confirmando uma tradição de receber medalhas em tais esportes;
8. o Jornal Nacional, da TV Globo, é o telefornal mais visto no mundo;
9. boas práticas estão surgindo no Brasil contra a burocracia que amarra o crescimento do País;
10. trabalho do Banco Mundial fez elogios ao Brasil quanto à sua atuação nas seguintes áreas:
a) as estruturas que oferecem informações para a concessão de crédito, como a SERASA, que tem o maior banco de dados de devedores do País, são consideradas um avanço;
b) o índice de transparência em informações sobre empresas que estão na Bolsa de Valores também é visto como satisfatório, sendo o melhor da América Latina e um dos mais eficientes entre os países emergentes;
c) iniciativas como a nova Lei de Falências também foram elogiadas.

Comentários

O que você achou deste texto?       Nome:     Mail:    

Comente: 
Informe o código de segurança:          CAPTCHA Image                              

De sua nota para este Texto Perfil do Autor Renove sua assinatura para ver os contadores de acesso - Clique Aqui